Quais são as diferentes carreiras em biologia marinha?

A biologia marinha é o estudo científico de organismos aquáticos. O campo é extenso e pode incluir a classificação da fauna marinha, o exame de microrganismos ou a observação de ambientes marinhos. Por ser uma disciplina tão ampla, existem várias carreiras possíveis em biologia marinha.

Uma das carreiras mais comuns em biologia marinha é a pesquisa. Um pesquisador marinho pode viajar para diferentes oceanos ou outros corpos de água para estudar a fauna marinha. Ele ou ela pode observar o comportamento das criaturas do mar em seus habitats naturais. Os pesquisadores podem estudar os efeitos do clima ou outros fatores no ambiente marinho. Eles também podem coletar amostras de microrganismos para determinar se têm algum benefício medicinal ou industrial. Biólogos marinhos experientes podem gerenciar equipes de pesquisa sem realmente realizar a pesquisa.

Um pesquisador de biologia marinha pode optar por dedicar sua carreira a uma área específica de estudo. Ele ou ela pode se concentrar em uma espécie ou ambiente específico. Por exemplo, um pesquisador pode se especializar no estudo de baleias e estudar suas interações, fatores que afetam sua população ou as diferenças entre as baleias em vários climas.

Os pesquisadores também podem trabalhar para agências governamentais. Eles podem estudar a qualidade da água para determinar se há poluentes. Os biólogos marinhos podem realizar pesquisas financiadas pelo governo sobre como melhorar a qualidade da água e preservar animais selvagens valiosos, especialmente as variedades de valor econômico, como peixes ou mariscos pesadamente exportados.

As carreiras de biologia marinha podem se concentrar em consultas a zoológicos ou aquários. Os zoológicos ou aquários podem manter um biólogo marinho na equipe para aconselhar os funcionários sobre como cuidar adequadamente de diferentes animais marinhos e sobre como melhor emular seus habitats naturais para mantê-los seguros e confortáveis. Um consultor também pode reconhecer sinais de doenças ou problemas de saúde nas criaturas e garantir que elas sejam tratadas.

Os biólogos também podem pegar seu conhecimento marinho e aplicá-lo ao campo do jornalismo. Eles podem relatar diferentes pesquisas para revistas científicas. Alguns biólogos marinhos podem se tornar advogados da proteção da fauna silvestre e publicar folhetos informativos ou realizar palestras em escolas ou agências governamentais. Os advogados podem optar por dedicar suas carreiras em biologia marinha à administração de organizações sem fins lucrativos que lutam para impedir a extinção de determinadas espécies ou para educar as pessoas sobre os riscos ambientais.

Os biólogos marinhos também têm a opção de trabalhar no ensino superior. Eles podem ministrar cursos de biologia marinha em universidades ou supervisionar a pesquisa marinha de estudantes. Os biólogos que trabalham na academia muitas vezes desenvolvem livros de biologia marinha ou outros materiais educacionais.

OUTRAS LÍNGUAS

Este artigo ajudou você? Obrigado pelo feedback Obrigado pelo feedback

Como podemos ajudar? Como podemos ajudar?