O que é psicologia forense?

A psicologia forense é um ramo da psicologia aplicada que lida com o processo legal e o sistema de justiça. Qualquer serviço psicológico prestado à comunidade jurídica pode ser considerado psicologia forense. Um psicólogo forense pode ser solicitado a desempenhar um papel clínico ou forense, ou ambos. A maioria dos psicólogos forenses se concentra na aplicação da pesquisa psicológica aos princípios do sistema de justiça.

A psicologia forense lida com os aspectos psicológicos de um crime ou ação civil. Tem como objetivo coletar, examinar e apresentar evidências para ajudar a facilitar uma decisão legal. Dentro do sistema legal, a psicologia forense fornece um meio de poder fazer cumprir a lei enquanto leva em consideração o comportamento humano. Um psicólogo forense pode ser chamado a diferenciar entre comportamento criminoso e comportamento humano que pode ser causado por um desequilíbrio psicológico.

É imperativo que os psicólogos forenses sejam bons psicólogos clínicos. Psicólogos clínicos avaliam e tratam pacientes com transtornos mentais. Psicólogos forenses devem interagir com indivíduos que apresentam distúrbios de saúde mental dentro do contexto legal. Casos civis e criminais podem ser considerados por um psicólogo forense.

Dentro do sistema de justiça, há muitas áreas em que a psicologia forense é utilizada e psicólogos forenses são empregados. Serviços correcionais, incluindo prisões e cadeias; hospitais psiquiátricos; agências de aplicação da lei; centros comunitários de saúde mental; e centros de detenção juvenil são apenas algumas das áreas em que a psicologia forense é usada. Dentro dessas configurações, existem inúmeras funções diferentes que são desempenhadas pelo psicólogo forense.

Muitas pessoas confundem psicologia forense com ciência forense. Embora sejam campos semelhantes, existem algumas diferenças muito específicas entre os dois. A principal diferença é o fato de a psicologia forense ser usada para analisar todas as perspectivas psicológicas, em vez de evidências físicas. Um psicólogo forense também lida com muitas questões legais, que são elementos essenciais para a compreensão do comportamento criminoso.

O conhecimento especializado de um psicólogo forense pode ser solicitado por várias razões, incluindo o tratamento de criminosos com doenças mentais, consultoria na seleção de júri e análise do comportamento, mente e motivação de um criminoso. Os psicólogos forenses têm um conhecimento especializado dos métodos da lei e da psicologia clínica. Espera-se que um psicólogo forense mantenha-se atualizado não apenas sobre tratamentos psicológicos, mas também sobre questões legais, como leis e políticas novas e atualizadas.

OUTRAS LÍNGUAS

Este artigo ajudou você? Obrigado pelo feedback Obrigado pelo feedback

Como podemos ajudar? Como podemos ajudar?