Quão comum é o medo de rejeição?

O medo da rejeição é um problema relativamente comum. A maioria das pessoas experimentou medo de rejeição em algum momento de suas vidas, e não é incomum que esses medos sobrecarregem as pessoas e se tornem socialmente debilitantes. Muitos especialistas acreditam que o medo da rejeição está enraizado em um impulso social tribal evolutivo e, nesse sentido, pode ser tanto um medo primordial quanto o medo de um animal perigoso. Ser rejeitado nos tempos primitivos pode ter sido devastador para o status de uma pessoa, o que poderia ser potencialmente perigoso nesse ambiente. Esse perigo pode ter criado pressão evolutiva para o desenvolvimento de um medo natural de rejeição.

Para muitas pessoas, a possibilidade de ser rejeitada pode parecer incrivelmente assustadora - enfrentar a rejeição pode ser quase tão assustador quanto enfrentar o perigo físico. Em casos como esses, pode ser difícil para as pessoas verem a rejeição objetivamente, e geralmente não têm a capacidade de colocar as coisas em perspectiva. Para as pessoas nessa situação, pode ser útil pedir a alguém que descreva as reais consequências prováveis ​​de uma potencial rejeição, para que possam ser comparadas com o cenário desastroso e pior cenário imaginado pela pessoa. Às vezes, isso pode ajudar as pessoas a evitar serem congeladas por seus medos.

Quando as pessoas temem a rejeição, às vezes pode fazê-las parecer menos confiantes e, por causa disso, o medo pode realmente ter resultados auto-realizáveis. Algumas pessoas acham mais fácil enfrentar a rejeição quando percebem que seu medo está realmente aumentando suas chances de rejeição. Quando as pessoas adquirem um pouco de confiança, sua taxa de rejeição geralmente diminui significativamente, e isso também pode ser auto-reforçado da mesma maneira que o medo é auto-realizável.

Para algumas pessoas, a visualização pode ser uma estratégia útil para lidar com a rejeição. Existem muitos exercícios construídos em torno desse tipo de terapia, e a maioria deles envolve a visualização de uma situação em que o medo da rejeição normalmente surgiria. A pessoa se concentrará em se visualizar superando o medo e recebendo um resultado positivo. Com o uso repetido, esse tipo de terapia pode reduzir gradualmente o medo de uma pessoa no seu dia-a-dia.

Outra estratégia útil para algumas pessoas é parar de pensar nas consequências da rejeição e se concentrar nas possíveis recompensas da aceitação. Para pessoas geralmente motivadas por negativos, essa pode ser uma maneira útil de virar a mesa. Às vezes, permite que eles vejam as coisas sob uma luz diferente, enquanto compreendem melhor as maneiras pelas quais a rejeição pode estar impedindo.

OUTRAS LÍNGUAS

Este artigo ajudou você? Obrigado pelo feedback Obrigado pelo feedback

Como podemos ajudar? Como podemos ajudar?