O que é um teste de rechamada?

Um teste de recall é frequentemente usado na psicologia cognitiva como um meio de medir a memória. Os médicos costumam usar um teste de recall com cued, um teste de recall gratuito ou um teste de recall em série para avaliar vários aspectos da memória de curto prazo - a capacidade de uma pessoa de recuperar informações aprendidas recentemente. Através de anos desenvolvendo e usando esses testes, os cientistas entendem melhor como o cérebro aprende, armazena e recupera informações.

O recall, também conhecido como estímulo / resposta, envolve a memorização de uma sequência de informações, usando qualquer método desejado. Após 15 a 30 minutos, os pesquisadores pedem aos participantes que lembrem um pouco específico de informações ou todas as informações na ordem correta, uma vez que recebam uma pista específica de recuperação. A pista pode estar divulgando metade de uma sequência emparelhada, ou uma figura, palavra ou pista associada a uma informação específica. Esse tipo de teste de lembrança não apenas mostra como o cérebro usa associação para codificar memórias, mas também como faz inferências lógicas quando a pista se baseia em uma interpretação geral da informação.

O recall livre é um teste de memória em que os participantes são solicitados a memorizar uma curta sequência de figuras, números ou palavras durante um período específico. Após outro período de tempo predeterminado, os sujeitos retransmitem as informações em qualquer sequência. Esse teste de recall revela como os indivíduos usam tipos específicos de codificação para memorizar grupos de informações. As pessoas podem agrupar dados semelhantes ou lembrar informações usando métodos mnemônicos. Os pesquisadores também aprenderam que as pessoas costumam se lembrar do início e do fim das seqüências mais rapidamente, o que é chamado de memória primária e recente.

A recordação serial geralmente testa a capacidade de uma pessoa de lembrar informações em uma ordem precisa ou de lembrar as circunstâncias que ocorreram dentro de um período de tempo. Os pesquisadores acreditam que esse tipo de aprendizado e memória reflete a capacidade humana de criar e usar a linguagem, além da capacidade de lembrar eventos passados ​​em ordem cronológica. As populações de qualquer cultura aprendem as sequências de palavras que formam a estrutura das frases, o que fornece um meio de comunicação. Lembrar eventos da vida ou as etapas específicas necessárias para realizar uma tarefa geralmente requer aprendizado e memória em série.

Os pesquisadores da psicologia cognitiva usam testes de recall para mostrar quantos fatores afetam a aprendizagem e a memória. Por exemplo, quanto mais atenção uma pessoa dá ao processo de codificação ou memorização de aprender novas informações, maior a quantidade de informações aprendidas e lembradas com precisão. A motivação também é um forte fator de aprendizado e recuperação da memória. Seja uma recompensa tangível ou um medo geral de derrota, as pessoas que usam algum tipo de auto-motivação geralmente produzem um nível mais alto de desempenho. Os pesquisadores também descobriram que usar o mesmo ambiente, ou estado de ser, para recuperar informações usadas anteriormente para aprender as informações, normalmente permite que as pessoas recuperem informações com mais eficiência.

OUTRAS LÍNGUAS

Este artigo ajudou você? Obrigado pelo feedback Obrigado pelo feedback

Como podemos ajudar? Como podemos ajudar?