O que é um Seismoscope?

Um seismoscópio é um dispositivo científico que sinaliza a ocorrência de um terremoto, possivelmente fornecendo informações sobre o tempo e o tamanho do terremoto. Não deve ser confundido com um sismômetro, um instrumento de medição ou o sismógrafo intimamente relacionado, que gera um registro do tremor. Os geólogos não usam amplamente os seismoscópios, porque o intervalo de dados que eles podem gravar é limitado quando comparado com equipamentos mais sofisticados.

O seismoscópio mais antigo conhecido parece datado de 132 AEC, quando um inventor chinês desenvolveu um dispositivo capaz de soltar bolas para alertar as pessoas sobre a ocorrência de um terremoto. Este dispositivo não forneceu informações sobre quando o terremoto ocorreu, a menos que alguém estivesse presente quando uma bola caiu. Também não mediu o tamanho do evento sísmico; uma bola cairia por um terremoto relativamente leve ou muito grande. Registros indicam que ele era capaz de medir terremotos distantes, pois em pelo menos uma ocasião as pessoas pensaram que o indicador era falso e mais tarde descobriram um terremoto em uma região vizinha.

Com o tempo, a tecnologia do seismoscope se tornou mais sofisticada. Os inventores trabalharam em dispositivos capazes de medir a intensidade dos terremotos para coletar melhores dados, e também desenvolveram seismoscópios com temporizadores para avisar quando ocorreram terremotos. O desenvolvimento do sismógrafo e sismômetro contribuiu com informações ainda mais úteis; os primeiros dispositivos usavam um pêndulo simples preso a uma caneta para registrar um terremoto por completo, permitindo que as pessoas controlassem a intensidade do tremor e observassem o padrão de movimento dentro da crosta terrestre.

O seismoscópio é útil principalmente como um sistema de alerta para que as pessoas saibam que um terremoto aconteceu. Equipamentos científicos mais modernos fornecem informações sobre os detalhes e não apenas sinalizam para alertar as pessoas sobre a ocorrência de um terremoto. Ao usar uma rede de equipamentos para medir a atividade sísmica, os pesquisadores podem identificar os epicentros dos terremotos, rastrear a atividade dos terremotos e aprender mais sobre as origens dos terremotos. Esses dispositivos também são úteis para atividades como emitir avisos de tsunami.

É possível construir um simples seismoscópio em casa, e instruções podem ser encontradas nos livros de atividades científicas e também online. Um problema com este e outros dispositivos para medir a atividade do terremoto é o grau de sensibilidade. A máquina pode emitir um alarme falso para um caminhão pesado que passa ou falhar na detecção de um terremoto muito distante porque o movimento da Terra é muito sutil. Os pesquisadores usam ferramentas como sondas localizadas sob a Terra para confirmar que o tremor é causado por um terremoto e coletar dados sobre a direcionalidade do movimento.

OUTRAS LÍNGUAS

Este artigo ajudou você? Obrigado pelo feedback Obrigado pelo feedback

Como podemos ajudar? Como podemos ajudar?